.posts recentes

. A verdade

. Marques Mendes quer julga...

. JSD manifesta a sua indig...

. EBI, será realidade?

. Proposta da Coligação PSD...

. SESSÃO EXTRAORDINÁRIA DA ...

. QUESTIONÁRIO

. Amílcar Mourão estupefact...

. FERIA DOS SANTOS

. SABIAM ESTA ?

.arquivo JSD

. Junho 2008

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

Domingo, 1 de Junho de 2008
A verdade

 

Tendo chegado ao conhecimento de alguns militantes da JSD concelhia de Alvito a distribuição de um comunicado, o qual lesaria pessoalmente e profissionalmente uma técnica superior da Autarquia de Alvito, e os rumores que se instalaram no concelho que supostamente tal comunicado teria sido concebido e divulgado por esta estrutura concelhia da JSD, levou um conjunto de militantes a preparar esta comunicação para que o bom nome desta estrutura e dos seus militantes, mais uma vez e injustamente, não sejam ligados e difamados por ligação a este tipo de atitudes de alguns senhores.
 
  1. A JSD concelhia de Alvito não tem órgãos eleitos a mais de um ano e meio, não tendo tido nenhuma intervenção político partidária desde então.
  2. Nunca, nenhum dos anteriores dirigentes desta estrutura divulgou ou utilizou o nome da JSD para atingir pessoalmente algum cidadão.
  3. Todos os documentos emitidos pela JSD têm o seu logótipo e são sempre identificados os responsáveis pelas suas criações.
  4. O referido comunicado, pelo conhecimento obtido, denuncia supostos actos cometidos por um cidadão local, os quais nenhum membro da JSD sabe se existiram, pois as datas dos acontecimentos denunciados, em alguns casos, coincidem com as datas de nascimento de alguns membros da JSD.
 
A JSD realiza combate politico limpo, limitando-se a divulgar o que entende estar mal, apresentar alternativas e defender o interesse dos jovens deste concelho, repudiando inequivocamente estes actos de terrorismo politico realizados por alguns cidadãos sem escrúpulos, que se acobardam por traz do anonimato tendo por objectivo a devassa da vida de pessoas e instituições que de alguma forma os possam incomodar.
 
Para terminar e deixar a apreciação de cada um, é curioso que nos, aproximadamente, últimos três anos os comunicados deste género, os quais eram frequentes em todo o concelho de Alvito, tenham praticamente desaparecido.
 
Com os melhores cumprimentos
 
António Freire
António Farçadas
Susana Doures
Pedro Penedo
Sandra Mauricio
publicado por JSD às 14:09
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2006
Marques Mendes quer julgamento para descobrir a verdade sobre Camarate [06-12-2006]

 Director: José Luís Moreira da Silva
Nº  - 11 Dezembro 2006

     
 
Luís Marques Mendes e Marcelo Rebelo de Sousa defenderam Segunda-feira, 4 de Dezembro, a realização de um julgamento sobre Camarate, considerando ser uma «vergonha para a democracia» continuar por esclarecer a queda do avião que matou Francisco Sá Carneiro. «Vinte e seis anos depois Camarate está por esclarecer. Há vinte e seis anos que se persegue a verdade. Vinte e seis depois ninguém compreende que tudo esteja por esclarecer», declarou o presidente do PSD, durante um almoço-conferência com jovens, para assinalar o 26.º aniversário do desaparecimento do fundador do Partido Social Democrata.
Qualificando «uma vergonha para a democracia» a queda do avião que matou o então primeiro-ministro Francisco Sá Carneiro e o antigo ministro da Defesa, Adelino Amaro da Costa, além do chefe de gabinete do primeiro-ministro, António Patrício Gouveia, assim como dos dois pilotos do aparelho, Marques Mendes reclamou uma vez mais a realização de um julgamento sobre o caso, para resolver «a mancha» que continua a existir na democracia portuguesa.
 
Questionado sobre as negociações entre o PSD e o PS, no âmbito da revisão do regime jurídico dos inquéritos parlamentares, Marques Mendes manifestou existirem já «uma série de contactos e reuniões para encontrar uma solução concreta», para permitir que Camarate vá a julgamento.
 
No âmbito desta questão, o PSD entende que deve ser obrigatória a acusação pelo Ministério Público, quando o Parlamento apurar indícios de crime do qual tenha resultado a morte de uma alta figura do Estado (Presidente da República, presidente da Assembleia da República e primeiro-ministro).
 
Marcelo Rebelo de Sousa, por seu turno, apelou igualmente à necessidade de se realizar um julgamento sobre o caso, considerando que há na opinião pública «o desejo legítimo de saber o que se passou». «A opinião pública sente que era útil que se criassem condições para apurar o que se passou em Camarate», insistiu.
 
Marcelo Rebelo de Sousa recordou ainda Sá Carneiro, como homem e como político, assinalando a sua grande inteligência, lealdade e grande humildade cívica. «Concentrava-se no essencial, não perdia um minuto com o acessório», lembrou, evocando ainda as qualidades invulgares de Sá Carneiro, que era também «um bon vivant» e um homem tímido.
 
Da faceta política de Sá Carneiro, Marcelo Rebelo de Sousa destacou o seu gosto pelas reformas. «Era um reformista que gostava de rupturas. Visceralmente era um reformista, ia até ao limite para fazer as coisas por essa via, mas, se via que assim não dava, fazia a ruptura e quando avançada para a ruptura era de uma coragem ilimitada», recordou, sublinhando que mais de 20 anos após a morte de Sá Carneiro, «o país está a dar-lhe razão».
 

publicado por JSD às 12:42
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Sexta-feira, 8 de Dezembro de 2006
JSD manifesta a sua indignação...

 

 

Face aos recentes desenvolvimentos em relação ao caso Camarate e suspeita de existência de crime na morte do então Primeiro-Ministro, Francisco Sá Carneiro, do Ministro da Defesa, Adelino Amaro da Costa, dos acompanhantes e pilotos, a JSD lamenta aquilo que apelida de falência do sistema de justiça na busca da verdade do caso.

 

Adianta Daniel Fangueiro, Presidente da JSD que “em pleno século XXI não podemos ficar indiferentes a esta situação verdadeiramente lamentável. Este caso demonstra a falência do nosso sistema de justiça”.

 

Neste sentido, a JSD irá propor a alteração do Código de Processo Penal de modo a permitir que, sempre que relativamente a processos prescritos se verifiquem fortes indícios da prática efectiva de crime, o Procurador-Geral da República possa determinar a reabertura do mesmo.

 

Entende a JSD que apenas assim se efectiva e garante os princípios fundamentais do Estado Direito Democrático.

 

A JSD irá ainda durante esta semana requerer a realização de audiências com o Presidente da Republica, com o Procurador Geral da República e com o Ministro da Justiça para discutir este problema.

 

Daniel Fangueiro afirmou ainda que convidará para uma reunião de trabalho com os órgãos dirigentes da JSD o advogado da família das vítimas, Ricardo Sá Fernandes, e o Presidente da última comissão parlamentar de inquérito ao caso de Camarate, Deputado Nuno Melo, com o intuito de ouvir a sua versão sobre a matéria e assim contribuir para o cabal esclarecimento de um crime que deve envergonhar o nosso país.

 

Afirma Daniel Fangueiro que “a JSD não descansará nem se resignará enquanto os culpados por este terrível crime não forem devidamente punidos. Será a nossa geração a descobrir a verdade sobre Camarate”.

 

 

Lisboa, 30 de Novembro de 2006

 

A Comissão Política Nacional da JSD

publicado por JSD às 18:26
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 30 de Novembro de 2006
EBI, será realidade?

 Para ajudar ao debate, publica-se aqui os dados da Direcção Regional do Alentejo, referentes a evolução da população escolar no Concelho de Alvito, entre os anos de 1996 - 2005:

Evolução da população escolar 1996 - 2005

Evolução da Frequência Total  dos Alunos

 

 

Como se pode observar a população escolar no Concelho de Alvito, nos últimos 9 anos tem vindo a diminuir, tendo estudado no concelho no ano passado, 425 alunos, 228 alunos do Pré-escolar até ao 9º ano e 197 alunos na Escola Profissional.

 

Tendo contactado algumas fontes, fomos informados que o Governo não prevê qualquer investimento em Alvito durante os próximos anos, para confirmar basta ver que o distrito de Beja vai perder, em 2007, 13% das verbas do PIDDAC face a 2006, e que o concelhos de Alvito não tem atribuída qualquer verba, como tal o projecto da EBI, apresentado pelo Presidente da Câmara Municipal de Alvito, que depende de uma comparticipação significativa por parte do estado,  está assente numa base muito pouco sólida.

 

Esta projecto, aprovado na reunião do Executivo Municipal no passado dia 27 de Novembro, na nossa opinião, é mais uma oportunidade perdida. Como já referimos, não parece que o Governo Central tenha verbas nem vontade de construir uma EBI em Alvito, que tem uma população escolar de 228 alunos no Ensino Publico. Mais grave é o esquecimento de que a Escola Profissional de Alvito foi vitima neste projecto. Tendo esta no ano de 2005, 197 alunos, e mantendo uma média anual de 194 alunos por ano nos últimos 9 anos, seria de todo o interesse integrar a escola profissional neste projecto, seria melhor para todas as partes envolvidas.

O projecto defendido pela Coligação PSD – CDS/PP, seria o que mais rapidamente resolveria o problema das más instalações em todos os estabelecimentos de ensino do Concelho. Pois o projecto seria liderado pela autarquia, dando muito mais espaço de manobra no controle da obra e no cumprimento de prazos, também o custos de construir um edifício com espaços comuns, tais como refeitório, cozinha, balneários, etc, seria inferior e beneficiaria o projecto e as escolas envolvidas.

 

publicado por JSD às 12:14
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 28 de Novembro de 2006
Proposta da Coligação PSD - CDS/PP

PROPOSTA  APRESENTADA NA REUNIÃO DE CÂMARA DE 27/11/2006

 

 

 

ASSUNTO: CRIAÇÃO DE UMA EBI’S (Escola Basica Integrada com Secundário)

 

           

Tendo em conta todo o enunciado apresentado pelo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Alvito;

 

Considerando ainda:

 

  1. As responsabilidades do Município de Alvito na Escola Profissional e na Cooperativa de Ensino (CECA);

 

  1. A urgente necessidade de resolução das precarias instalações da Escola Profissional;

 

  1. A importância para o Municipio, de libertar o terreno da COVITO permitindo assim a possibilidade de outra utilização, que vá de encontro aos anseios da Cooperativa Agrícola e que sirva de polo de desenvolvimento e modernidade do Concelho;

 

  1. A necessidade de salvaguarda dos postos de trabalho existentes na CECA, quer ao nível dos docentes quer dos auxiliares de educação;

 

  1. A importância de manutenção do Contrato de Associação existente entre o Ministério da Educação e a CECA;

 

  1. O número de alunos, do Concelho, a estudar fora do mesmo, nomeadamente no Ensino Secundário.

 

 

Neste sentido,

                       

Proponho, ao abrigo do disposto no art. 64º da Lei 169/99 de 18 de Setembro e diplomas complementares, conjugado com a alinea l) do artº53, do mesmo diploma, que a Câmara Municipal de Alvito delibere:

 

Defender junto dos órgãos e entidades competentes, o processo de criação de uma nova Entidade Educativa, de capitais públicos e privados, composta pela Câmara Municipal, pela Escola Profissional e pela CECA com o fim de pugnar pela criação de uma EBI’S (Escola Básica Integrada com Secundário).

 

 

 

Alvito, 27 de Novembro de 2006

 

 

                                                                                              Mário Simões

                                                                                                      Vereador

publicado por JSD às 15:45
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Sexta-feira, 24 de Novembro de 2006
SESSÃO EXTRAORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL

27-11-2006

Por solicitação do Vereador Mário Simões, no próximo dia 27 de Novembro, pelas 17 horas, realiza-se uma sessão extraordinária da Câmara Municipal na Sala das Sessões dos Paços do Município, com ponto único: Criação de uma Escola Básica Integrada.

Esta reunião foi solicitada na passada reunião do Executivo, de 22 de Novembro, após o presidente da autarquia, Sr. João Paulo Trindade, ter solicitado acrescentar a criação de uma escola básica integrada na ordem de trabalhos. Assunto que o Vereador Mário Simões entende ser de grande interesse público, tendo solicitado uma reunião extraordinária para debater unicamente esse tema, dando também espaço temporal para a divulgação da mesma junto dos munícipes interessados.

Informa-se que as sessões da Câmara Municipal são públicas, pelo que todos os munícipes interessados poderão estar presentes nas mesmas.

Participe.

publicado por JSD às 12:49
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 15 de Novembro de 2006
QUESTIONÁRIO
ALVITO ESTÁ A MUDAR?
 
Qual é a tua opinião?
publicado por JSD às 10:57
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Segunda-feira, 6 de Novembro de 2006
Amílcar Mourão estupefacto com declarações de Guilherme Silva

Amílcar Mourão reage com estupefacção às declarações de Guilherme Silva. Em causa está o pedido de impugnação das eleições para a distrital de Beja do PSD. Recorde-se que, João Paulo Ramôa, o candidato derrotado em Abril passado, pediu a impugnação do acto eleitoral alegando a existência de várias irregularidades.

O conselho nacional de jurisdição do PSD deveria ter-se pronunciado no final do mês de Setembro, mas até agora ainda não é conhecida qualquer decisão sobre este processo. Entretanto, em declarações vindas a público esta semana, Guilherme Silva afirmou que continua à espera de documentação pedida à distrital laranja de Beja para poder avaliar o caso de impugnação do acto eleitoral. O presidente do Conselho Nacional de Jurisdição do Partido Social-democrata, admite mesmo avançar com sanções contra os órgãos da distrital por violação de deveres de cooperação. Confrontado com estas declarações, Amílcar Mourão, reagiu com surpresa. O presidente da Distrital de Beja do PSD garante que não recebeu qualquer pedido de documentação feito pelo Conselho Nacional de Jurisdição.

O presidente da Distrital de Beja do PSD diz-se assim estupefacto com as declarações de Guilherme Silva e garante que não recebeu nenhum pedido de documentação sobre o processo eleitoral de Abril passado.

In, Radio Pax

Hoje as 21h irá realizar-se a reunião da Comissão Politica Distrital de Beja do PPD/PSD, será o local apropriado para discutir a veracidade de tais afirmações.

JSD - Alvito

publicado por JSD às 15:29
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 26 de Outubro de 2006
FERIA DOS SANTOS
JSD – ALVITO vai ter um stand na Feira, venho visitar-nos nos dias 28, 29, 30, 31 de Outubro e 1 de Novembro.
publicado por JSD às 21:02
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
Terça-feira, 17 de Outubro de 2006
SABIAM ESTA ?

 JORNALISTAS!

ESTÃO TODOS CALADINHOS, PORQUÊ ????????????????   

Por que será que andam caladinhos?   Objectividade da análise jornalística?    

O subsistema de saúde "dos fazedores de opinião" é INTOCÁVEL!!!    

 Caixa de  Previdência e  Abono de   Família dos   Jornalistas é dirigida por uma comissão administrativa cuja presidente é a mãe do ministro   António Costa e do Director-Adjunto da Informação da SIC, Ricardo Costa     (Maria    Antónia Palla Assis Santos - como não tem o "Costa", passa despercebida...).    

O Ministro José António Vieira da Silva declarou, em Maio último, que  esta   Caixa manteria o mesmo estatuto!

Isso inclui regalias e compensações muito superiores às vigentes na  função pública (ADSE), SNS e os outros subsistemas de saúde. É só consultar a tabela de reembolsos anexa. Mas este escândalo não será divulgado pela comunicação social, porque é parte interessada (interessadíssima!!!) pelo há que o divulgar Ao máximo por esta via!!! 

 

 

TABELA DE REEMBOLSO DE DESPESAS DE ACÇÃO MÉDICO-SOCIAL DOS JORNALISTAS E RESPECTIVOS FAMILIARES

 

TIPO DE DESPESA                                                                                    COMPARTICIPAÇÃO

CONSULTAS MÉDICAS                                                                                            TABELA ADSE

INTERNAMENTO HOSPITALAR ( MÁXIMA POR DIÁRIA )                                    TABELA ADSE

DIÁRIAS NAS TERMAS                                                                                                    1/40 SMN

INTERVENÇÕES CIRÚRGICAS a)                                                                                100%

MÉDICO AJUDANTE, ANESTESIA E INSTRUMENTISTA                                          100%

PISO DA SALA DE OPERAÇÕES E PARTOS                                                               100%

ECG, RX, TOMOGRAFIAS, ANÁLISES E EXAMES DIVERSOS b)                              100%

TRANSFUSÕES DE SANGUE E OXIGÉNIO                                                                  100%

TRATAMENTOS TERMAIS c)                                                                                            100%

TRANSPORTES EM AMBULÂNCIAS PARA HOSPITAIS                                              100%

TRATAMENTOS MÉDICOS E ASSISTÊNCIA AO PARTO                                               80%

SERVIÇOS DE ENFERMAGEM d)                                                                                      80%

TRATAMENTOS DENTÁRIOS e)                                                                                         80%

PRÓTESES DENTÁRIAS                                                                                            TABELA ADSE

PRÓTESES AUDITIVAS, ORTOPÉDICAS E APARELHOS DIVERSOS b)                   75%

REPARAÇÃO DE APARELHOS                                                                                           75%

MEDICAMENTOS f) E UTILIZAÇÃO DE MATERIAL                                                          75%

AGENTES FÍSICOS ( EX: ULTRA SONS ) b)                                                                      75%

LENTES, ARMAÇÕES E LENTES DE CONTACTO g)                                                      75%

TRATAMENTOS ESPECIAIS                                                                                                  75%

ECODOPPLER                                                                                                                         80%

EXAMES NEUROLÓGICOS                                                                                                    80%

TRATAMENTO DE QUIMIOTERAPIA                                                                                    100%

DISPOSITIVOS INTRA-UTERINOS                                                                                      100%

TIRAS E APARELHOS PARA DIABÉTICOS                                                                        100%

LITOTRÍCIA                                                                                                                                  80%

RESSONÂNCIA MAGNÉTICA                                                                                         TABELA ADSE

 

 

OBSERVAÇÕES:

a) O recibo deve vir acompanhado de um relatório médico a indicar a intervenção efectuada.

b) Os recibos devem vir acompanhados das respectivas prescrições médicas.

c) É necessária declaração médica justificando doença adequada às termas.

d) É necessária a discriminação da quantidade dos actos praticados.

e) Os recibos devem indicar os tratamentos efectuados bem como os seus valores unitários.

f) É necessário o envio da receita médica, onde deve colar os códigos de barras dos medicamentos,

incluindo a parte Estado-Utente.

g) O recibo deve ser acompanhado da receita médica com a graduação das lentes. No caso de

lentes de contacto deve vir ainda um relatório médico a indicar a necessidade do uso das mesmas.

in, http://alcacovas.blogs.sapo.pt/

publicado por JSD às 17:23
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
.MAIS JSD
.pesquisar
 
.Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
.Contador Instalado a 21/09/2006
Free Web Counter
<
blogs SAPO
.subscrever feeds